12 outubro 2005

um pouco do meu veneno (2)

Novamente. Aconteceu-me o mesmo. Desta vez não choro. Estou triste, tenho de estar, mas nada me afectou tanto. E, diria, estou ainda mais apaixonado que da primeira vez. Já não és a mesma, não és, já não és tu, é outra, mas não choro e estou mais apaixonado. Talvez a primeira constipação me tenha protegido de alguns dos sintomas. Talvez me proteja.

Como vive alguém protegido do amor? Como vive alguém imune aos males da paixão?

2 Comments:

At 12 outubro, 2005 22:51, Blogger de mim para said...

não vive... sobrevive! bjs

 
At 17 outubro, 2005 15:19, Blogger Raquel V. said...

Vamos endurecendo e ao mesmo tempo o mar bate em nós e trasformamo-nos de novo em areia... ou não...

 

Enviar um comentário

<< Home